Câmara nos bairros

PUBLICIDADE

Professor é preso acusado de exploração sexual de menores

Professor é preso acusado de exploração sexual de menores
Lojas Economia

Um professor de uma terceirizada que presta serviço em uma escola municipal na Vila Palmares II, foi preso e apresentado na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil, por volta das 23h50 de terça-feira (21), por policiais da Ronda Ostensiva com apoio de Motos (ROCAM) do 23º Batalhão de Polícia Militar de Parauapebas. Ele é acusado de corrupção de menores, exploração sexual e corrupção ativa.

Segundo a polícia o homem identificado por Raemison Marques Cardoso 26 anos de idade, foi flagrado pelos militares na estrada entre as Vilas Palmares I e II, realizando sexo oral em dois adolescentes, um de 14 e outro de 16 anos de idade.

De acordo com o boletim de ocorrência policial, o flagrante se deu quando a guarnição realizava ronda ostensiva no bairro do aeroporto nas imediações do prédio do Detran, quando foi informada por um transeunte que realizava o trajeto em seu veículo sentido a zona rural, dando conta de que havia um veículo celta, parado no acostamento da estrada da Palmares II, e que ele teria achado estranha a movimentação no interior do veículo.

Rapidamente a guarnição se deslocou até o local, momento em que se deparou com o motorista identificado por Raemison Marques, professor da rede municipal de ensino de Parauapebas, em companhia de dois menores de idade. Na abordagem os policiais observaram que o adolescente de 16 anos vestia suas roupas.

Ao ser questionado o que estaria acontecendo ali, Raemison Marques permaneceu calado. Indagado pelos PMs, o adolescente de 16 anos disse que o professor teria convidado os mesmos a entrar em seu veículo e ir ao encontro de algumas garotas. O adolescente ainda teria dito aos policiais, que no trajeto Raemison Marques teria oferecido a quantia de 50 reais para cada um deles, em troca de práticas sexuais. Na tentativa de se livrar do flagrante, o acusado teria oferecido seu carro aos PMs em troca de sua liberação.

Diante do ocorrido, os envolvidos foram encaminhados para unidade Policial e apresentados ao delegado plantonista Luciano Ramos, para os procedimentos legais. Na delegacia a reportagem tentou conversar com o acusado, porém o mesmo não quis falar sobre o assunto. (Neide Folha)

[gutenberg_post_blocks id=”125″]

Compartilhar essa matéria

Facebook
Twitter
WhatsApp

Veja também

PUBLICIDADE

Js Rastreamento
Essence Estética
Js Rastreamento
Bioquality

PUBLICIDADE